Home / NOTICIAS >> VER TODAS / POLÍCIA CIVIL DO ES TEM NOVA CHEFIA: GRACIMERE GAVIORNO

POLÍCIA CIVIL DO ES TEM NOVA CHEFIA: GRACIMERE GAVIORNO

O secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (Sesp) anunciou mudanças nas chefias da Polícia Civil e Corpo de Bombeiros Militar na manhã desta quarta-feira (14). Também há troca de comando na Subsecretaria de Inteligência da Sesp.

 Uma mulher irá chefiar a Polícia Civil do Espírito Santo (PCES). A delegada Gracimere Soeiro Gaviorno é a terceira mulher a alcançar o mais alto cargo da instituição, antes ocupado pelo delegado Joel Lyrio Junior.  O coronel Carlos Marcelo Disep Costa assume o comando geral do Corpo de Bombeiros Militar, em substituição ao coronel Edmilton Ribeiro Aguiar Junior. Já a Subsecretaria de Inteligência da Sesp ficará a cargo do delegado José Monteiro Júnior, que estava à frente da Superintendência de Polícia Especializada (SPE) da Polícia Civil. Ele substituiu o delegado José Darcy Arruda.

Mulher na chefia da Polícia Civil do ES

A delegada Gracimere Soeiro Gaviorno é a terceira mulher a alcançar o mais alto cargo da Polícia Civil do Espírito Santo (PCES). A meta da delegada é ampliar as investigações dos crimes contra o patrimônio e o tráfico de drogas, além de integrar as ações da Polícia Civil aos demais órgãos de segurança e justiça, bem como aprofundar a comunicação interna entre as unidades regionais metropolitanas das delegacias especializadas. Desta forma, espera-se dinamizar os processos de investigação em todo o Estado.

“O sucesso da atividade da Polícia Civil só é possível com uma integração completa, que envolva uma aproximação com a Polícia Militar, com o Ministério Público e com o Judiciário. Mas é preciso também que a instituição se aproxime da sociedade para melhor conhecer o mapa do crime e das universidades para encontrar soluções de enfrentamento à criminalidade”, ressalta a nova chefe de polícia.

Manter a meta de redução dos homicídios e investir na qualificação dos policiais civis também serão prioridades para Gracimere que ingressou na PCES há 20 anos como papiloscopista e anos depois (1999) passou no concurso para delegada. Nesse período, passou por diversas unidades, entre elas,  Delegacia da Mulher de Colatina, Delegacia da Mulher da Serra, Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Delegacia de Defraudações e Falsificações, entre outras unidades especializadas e regionais. Atualmente, era superintendente de Polícia Técnico-científica.

Segundo Gracimere, a presença da mulher no mais alto posto da PCES traz um olhar diferenciado para as ações de segurança pública. “A mulher tem um olhar diferenciado para muitas questões. Gosta de cuidar do outro e arrumar a casa. Esta é uma caraterística feminina. Por isso, meu foco será melhorar os fluxos internos que refletem na qualidade do serviço prestado ao cidadão”.

Duas delegadas já chefiaram a Polícia Civil do Espírito Santo.  Almerinda Capeli Saué comandou a instituição no período de fevereiro de 1996 a março de 1997, retornando ao mesmo posto no ano de 2002. A delegada Selma Cristina Sampaio Couto foi a segunda a chefiar a instituição pelo período de março de 1999 a maio de 2001, permanecendo na cadeira por mais três anos, de 2003 a 2006.

OBS.: A Appes parabeniza a Delegada Gracimere pela nomeação como Chefe da PC/ES, deseja uma administração de sucesso, fazendo votos de que sejam dias de valorização do Departamento de Identificação.

Verifique Também

A quem interessa?

Conheça o trabalho dos Peritos Oficiais Criminais. Espírito Santo paga pior salário do país paraos ...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *